Logos | Preparatório para concursos

BLOG

Home > Blog > Concurso IBGE 2020: saem editais com mais de 208 mil vagas

as Notícias

Concurso IBGE 2020: saem editais com mais de 208 mil vagas

Foram divulgados os editais do concurso IBGE 2020, com mais de 208 mil vagas temporárias, em todo o país. 
 
O primeiro deles conta com oportunidades para os cargos de agente censitário municipal e supervisor, com mais de 28 mil postos, e o segundo com mais de 180 mil oportunidades para recenseador. 
 
Os aprovados irão atuar no Censo Demográfico 2020, por todo o Brasil. O contrato dos agentes terá duração de cinco meses, enquanto o recenseador irá trabalhar, inicialmente, por três meses. 
Ao todo, estão abertas 208.695 vagas temporárias, com a seguinte distribuição:
  • Agente censitário municipal com 5.462 vagas para nível médio com remunerações de R$2.100 + R$458 (auxílio-alimentação) = R$2.558
  • Agente censitário supervisor com 22.676 vagas para nível médio com remunerações de R$1.700 + R$458 (auxílio-alimentação) = R$2.158
  • Recenseador com 180.557 vagas para nível fundamental com remunerações de R$1.278,94 ( previsão média para a remuneração por produção).

As inscrições para o concurso IBGE 2020  foram abertas às 10h desta quinta-feira, 5, por meio do site do Cebraspe. Os interessados podem ser inscrever até as 23h59 do dia 24 de março.

Para quem visa concorrer ao cargo de agente censitário municipal e agente censitário supervisor a exigência é ter o nível médio completo. Já o para recenseador o requisito é ter o nível fundamental completo.
 
Para isso, é preciso pagar uma taxa de R$35,80 (agentes) e R$23,61 (recenseador). Candidatos membros de família de baixa renda, inscritos no CadÚnico ou doadores de medula óssea podem solicitar a isenção da taxa, durante todo o período de inscrição, no site da banca.
 
Um dos principais atrativos do concurso IBGE 2020 é o quantitativo de vagas. São 208 mil vagas espalhadas por todo país. Para Juiz de Fora o número de vagas é de 600. 
 
Os candidatos do concurso IBGE serão avaliados por meio de provas objetivas, que estão programadas para maio. No entanto, elas serão aplicadas em dois dias diferentes. Para os cargos de agente, as provas objetivas vão ser aplicadas no dia 17 de maio.
 
Já para a função de recenseador a data da primeira etapa está marcada para o dia 24 de maio. As provas serão aplicadas no turno da tarde, no horário previsto das 13h às 17h.
 
O resultado final do concurso para agentes está previsto para 12 de junho, enquanto que para os recenseadores a previsão é 3 de julho.
 
As provas objetivas serão realizadas, simultaneamente, em 4.612 municípios, no caso dos agentes, e em 5.569 municípios para o recenseador. Os exames ocorrerão nos 26 estados, além do Distrito Federal. As perguntas serão sobre:
 
Agentes - 60 questões
  • Língua Portuguesa (dez);
  • Raciocínio Lógico Quantitativo (dez);
  • Ética no Serviço Público (cinco);
  • Noções de Administração/Situações Gerenciais (15); e
  • Conhecimentos técnicos (20).

Recenseador - 50 questões

  • Língua Portuguesa (dez);
  • Ética no Serviço Público (cinco);
  • Matemática (dez); e
  • Conhecimentos técnicos (25).
Os contratos terão vigência de 30 dias, podendo ser sucessivamente prorrogados por apostilamento, por igual período, estritamente de acordo com a necessidade do trabalho e/ou disponibilidade de recursos orçamentários. Por questões administrativas, o último contrato poderá ter vigência menor que 30 dias.
 
A previsão do IBGE é contratar os selecionados até agosto deste ano. Isso porque, segundo o Instituto, a coleta de dados para o Censo Demográfico 2020 será realizada entre os meses de agosto e outubro.
 
No Censo, serão visitados todos os domicílios do país. Os recenseadores, que contam com mais de 180 mil vagas, irão coletar as informações através de uma entrevista direta.
 
Confira os editais:
 
 
Prepare-se com o Logos Concursos.
 
.

Outras notícias

ver todas

Central de atendimento

Fale com o Logos

Rua Santo Antônio, 437 - Centro

Juiz de Fora - MG


Veja aqui como chegar